Browsing Category

Minha Vida

Lifestyle Minha Vida

Como emagrecer rápido e sem esforço

15 de Janeiro de 2018

Imagine emagrecer rápido e exibir um corpão por aí, sem ter que fazer esforço. Parece ótimo, não é? Pois é, infelizmente não é possível.

No ano passado, escrevi um post falando sobre meu projeto de emagrecimento (veja aqui). Claro, não cumpri. Aliás, unindo uma má alimentação e faltas constantes em algumas atividades físicas, ainda consegui ganhar uns quilos a mais.

Fiz questão de não deletar o post onde conto isso porque sei que tem muita gente que, como eu, fez essa promessa e não cumpriu. E deixa eu contar, esconder os erros não conserta nada. O que precisamos é reconhecer a falha e ter garra em dobro para realizar o que nos propusemos. Então, vou contar minha historinha de novo:

Por que esse desespero em emagrecer?

Sem hipocrisia, gente. Não vou falar que é só saúde porque provar uma roupa e ver que ela fica apertada é péssimo. Outra questão é o fato de eu dançar. Todos os movimentos ficam mais difíceis estando pesada (só ver o resultado de 2017, ano em que estava em sobrepeso e acabei quebrando um dedo do pé e rompendo o ligamento do tornozelo). Além disso, é muito complicado ficar bem em qualquer figurino estando fora de forma.

Mas se você faz exercícios, como engordou?

Simples: comi muito e errado. O resultado foi bem justo e assumo que mereci cada quilinho a mais que ganhei.

Mas então, o que você vai fazer?

Bem simples! Vou trabalhar em uma reeducação alimentar e voltar ao ritmo que levava com atividades físicas, mas tudo com supervisão.

Importante: faço academia desde os 17 e sempre vi muita gente treinando por conta e fazendo tudo errado. Além disso, ainda existem as dietas milagrosas que prometem secar 10 kg em 7 dias, tudo isso bebendo só água de berinjela, agrião ou o que for. Uma sugestão: PAREM. Não existe recompensa sem esforço, então não esperem milagres. Cuidem de vocês e invistam em profissionais que possam auxiliar num bom resultado e com segurança. Seu corpo agradece.

Diferente de antes, agora quem acompanha minha dieta é a Dra. Juliet Marzalek, nutricionista esportiva (CRN8 – 1182). Troquei o profissional porque, apesar do meu antigo médico ser muito bom, precisava de alguém com um trabalho focado nas necessidades de quem pratica atividade física mais intensa. Meu treino físico é montado e supervisionado pelo Julio Ramos, profissional de Educação Física.

É isso! Diariamente, estou postando no Stories (confere o insta aqui) minha rotina alimentar e de exercícios. Além disso, colocarei aqui mês a mês aqui os progressos.

Espero que isso possa motivar quem precisa ou quer levar uma vida mais saudável também.

É o seu caso? Me conta aí!

Lifestyle Minha Vida

10 metas para cumprir em 2018

31 de dezembro de 2017

Vai, pode confessar: você talvez ainda não saiba como cumprir suas metas para 2018.

Normalmente queremos uma mudança de vida e acabamos definindo objetivos-padrão (como perder peso ou começar a academia), sem pensar no por que e em como iremos alcançá-los, não é?

A verdade é que, em 2018, tudo pode ser diferente. Com planejamento e foco, podemos chegar mais longe e deixar um sinalzinho de positivo ao lado da nossa lista de resoluções para o ano que está por vir.

Dessa vez, resolvi colocar meus objetivos por escrito (no planner e aqui no blog) e especificar como quero fazer as coisas. Pode parecer simples, mas visualizar o que queremos e olhar para aquilo diariamente faz com que tudo pareça mais real e acabamos por nos dedicar mais. Sem contar que será super legal fazer um balanço no fim de 2018 e ver se o que foi colocado aqui se concretizou.

Metas para 2018

Planners e lembretes no computador são ótimos aliados para não esquecermos dos nossos objetivos. Invista neles!Bom, seguem as minhas metas pessoais para o ano novo:

1 – Emagrecer

Reeducação alimentar e atividades físicas regulares são o foco de 2018. Ah, por emagrecer, não entendam “perder peso”. O objetivo é reduzir o percentual de gordura corporal, com o auxílio e acompanhamento de profissionais, não acreditar em dietas malucas para reduzir o número na balança.

2 – Juntar dinheiro

Controlar o impulso de gastar todo o rico dinheirinho em maquiagem é difícil, mas necessário. Para 2018, pelo menos 20% do salário tem que estar a salvo e guardadinho.

3 – Estudar

Aprender faz a gente evoluir, né? Seja para melhorias da área digital, marketing ou idiomas, o objetivo é não deixar a mente se acomodar. E vamos combinar: um artigo novo bem estudadinho por semana não mata ninguém.

4 – Ler

Ler é maravilhoso e eu adoro, mas confesso que os livros têm perdido para o Instagram e Neflix. Acho que 2 livros por mês (no mínimo) está ótimo para retomarmos nosso relacionamento.

5 – Buscar novas experiências

Podem ser coisas simples como ir a um novo restaurante, parque ou exposição. O que vale é agregar experiências diferentes no novo ano, ao menos uma vez por mês.

6 – Responsabilidade ON

Pontualidade tem que reinar, afinal, virginiana que chega atrasada não dá. Preguiça então, nem pensar! Nada de matar ensaios, aulas, trabalho, a menos que o motivo seja muito urgente.

7 – Trabalhar mais

Não em quantidade de horas, mas em qualidade. Dedicação sempre é recompensada, principalmente no trabalho.

8 – Postar no blog no mínimo 3x por semana

E vamos frisar o no mínimo. 2018 será o ano de muitas opiniões e conteúdos legais.

9 – Passar mais tempo com a família e amigos

De que adianta a vida sem compartilhar momentos com quem a gente mais ama? Seja uma conversa por telefone, uma mensagem inesperada ou uma visita, estar presente é essencial.

10 – Relevar e agradecer

Um dos tópicos mais importantes. Nesse mundo cheio de ódio gratuito, por que não aprender a relevar as coisas que não são importantes? O mantra é “gentileza gera gentileza”. Além disso, agradecer SEMPRE todas as oportunidades de aprendizado que temos.

 

Que tal começar comigo e colocar no papel seus objetivos?

Conta aí o que está na sua lista!

Lifestyle Minha Vida

Diário de uma futura ex-gordinha

21 de Março de 2017

E ontem foi segunda-feira, Dia Mundial do Regime.

Como sei que muitas pessoas (como eu) decidem iniciar suas dietas e retomar a academia no início da semana, escolhi o momento para fazer uma confissão:

Tô gordinha!

Antes de me recriminar e dizer “Ai, que exagero!”, deixa eu te contar: fui a um médico e estou com sobrepeso.

Tenho 1,60 m e estou pesando atualmente 59 kg. Sim, eu sei que a balança não é o mais importante, mas como estava me sentindo incomodada, resolvi marcar uma consulta com um nutrólogo, que logo de início providenciou uma bioimpedância (exame que avalia a composição corporal).

O resultado acabou confirmando o que as minhas roupas apertadinhas já estavam dizendo: estou com 29% de gordura corporal (o normal para alguém na minha faixa etária é entre 20% e 28%) e preciso muito emagrecer.

Mas você faz exercícios, como engordou?

Simples: comi MUITO!

Além de ter tendência a engordar, nos últimos tempos comi super errado e não estava mais tão ativa quanto costumava ser. O resultado foi bem justo e assumo que mereci cada quilinho a mais que ganhei.

Por que esse desespero em emagrecer?

Sem hipocrisia, gente. Não vou falar que é só saúde porque tentar usar uma roupa e ver que ela fica apertada ou desconfortável é péssimo. Outra questão ainda é o fato de eu dançar. Todos os movimentos ficam mais difíceis estando mais pesada (pelo menos para mim e para o Murilo, que tem que me erguer) e também, é muito complicado ficar bem em qualquer figurino estando fora de forma.

Mas então, o que você vai fazer?

Bem simples! Vou trabalhar em uma reeducação alimentar e voltar ao ritmo que levava com atividades físicas, mas tudo com supervisão.

Importante: gente, eu faço academia desde os 17 e vejo MUITA gente treinando por conta e fazendo absolutamente TUDO errado (alguns acham bonito postar vídeos ainda). Além disso, ainda existem as dietas milagrosas que prometem secar 10 kg em 7 dias, tudo isso bebendo só água de berinjela, agrião ou o que for. Uma sugestão: PAREM. Não existe recompensa sem esforço, então não esperem milagres. Cuidem de vocês e invistam em profissionais que possam auxiliar num bom resultado e com segurança. Seu corpo agradece.

Quem vai acompanhar minha dieta é o Dr. Antônio Carlos Meretka (CRM 8816-PR), nutrólogo, e meu treino físico será montado por um profissional de Educação Física (que ainda não sei qual, mas em breve conto aqui).

É isso! Vou postar mês a mês aqui os progressos e espero que isso possa motivar quem precisa ou quer levar uma vida mais saudável também. =)

Lifestyle Minha Vida

Se joga, menina!

3 de Março de 2017

Vai. E ser der medo, vai com medo mesmo.

Confessa: você já leu isso em alguma timeline,  ficou cheia de vontade de correr atrás dos seus sonhos, compartilhou o conteúdo e… nada. Tudo virou só mais um post.

Infelizmente é assim que as grandes, melhores e mais impressionantes ideias acabam. Quer dizer, nem começam.

Calma, isso não é um sermão motivacional. Também tenho medo e sei como é difícil tirar um projeto do papel, aprender algo novo ou expor opiniões. Nos arriscamos a falhar, errar, receber duras críticas e ninguém gosta disso, não é?

Mas vale a pena?

Uma coisa é certa: não dá pra saber sem tentar.

Então, seja muito bem-vinda à minha tentativa!

O “Vale um Comentário” surgiu de uma dose de atitude.  Aqui, é o cantinho onde o “E SE?” que esteve comigo pelos últimos 2 anos, está dando lugar ao “VAMOS FAZER!”.

Queria dizer que estou muito feliz por você estar aqui. Cada espaço foi pensado com todo o carinho e cuidado, então espero que goste, que o conteúdo seja útil e que possamos trocar muitas informações.

Ah, eu sou a Bruna. Espero te ver sempre por aqui!